Altri cada vez mais afastada do cenário negativista

Tiago Esteves
Quando um H&S top fazia crer que a Altri estava acabada, o surgimento de um breakout fortíssimo acabou por arrasar com os curtos (eu incluído), originando o que parece ser uma reacção ascendente de médio prazo. A quebra em alta dos 2,18€ acabou por representar o abandonar de estratégia para os mais negativistas, já que com a quebra do ciclo de lower-highs seria expectável que a tendência descendente pudesse chegar ao fim. 
A quebra em alta da primeira bandeira acabou por representar uma oportunidade de entrada para os longos, tendo sido confirmada pela quebra em alta da segunda consolidação. Dúvidas houvessem, a quebra em alta dos 2,46€ acabou por inviabilizar o H&S top, o que limita imenso o optimismo dos curtos. A somar a isto, acabou por formar-se um H&S de inversão de menor dimensão coincidente com a quebra em alta da primeira bandeira, motivação para todo este rally. 
Infelizmente, e em termos práticos, o H&S bottom já atingiu a sua projecção e as zonas de stops estão demasiado distantes, pelo que uma entrada agora poderá ser perigosa. Uma eventual retracção/consolidação poderá representar uma boa oportunidade, pelo que vale a pena manter um olhinho na Altri!

Comment List

  • Abrantes 12 / 09 / 2014 Reply

    Olá Tiago.

    Mas onde é que está o H&S?
    Eu não vejo nenhum H&S no teu gráfico, nada!

    A isso se chama apofenia! 😉

    Abraço

  • Tiago Esteves
    Tiago Esteves 13 / 09 / 2014 Reply

    Qual deles, Abrantes? Eu vejo dois, sendo que o mais pequeno me parece tecnicamente irrepreensível. Não tenho dúvidas de que deve ser considerado como válido.
    Abraço

  • Daniel Pires 13 / 09 / 2014 Reply

    Bom post Tiago.

    Sem dúvida que tecnicamente a altri está num bull market pois já tem uma estrutura de máximos e mínimos crescentes.

    No entanto se a altri fosse líquida com uma média diária superior a 1M€ na sexta entraria curto com um stop loss por cima do máximo de sexta devido as seguintes razões:

    Atingiu uma resistência super forte (máximos do ombro esquerdo) fibo de 68 de correcção da descida, aliado a um volume forte com uma vela tipo martelo invertido e um risco ganho da operação de curto espectacular…Aliados a operar a favor da tendência do índice principal.

    Pontos fracos da operação de curto
    Acção em bull market, ainda com uma linha de tendência no grafico horário com múltiplos toques ainda não rompida em baixa…aliado ao volume crescente que acompanha a subida da ação…

  • yautja 13 / 09 / 2014 Reply

    Boa noite.

    Para todos os que ja estavam a ver sinais de inversão de tendência, os senhores da banca vieram mais uma vez dar cabo de qualquer hipótese de recuperação.

    Falta ainda saber quem é o sr. que se segue à frente do NOVO BANCO. Falta ainda saber para quem vai o tacho.

    Parece que vêm aí dias proveitosos para os bears, que verdade seja dita já estavama ficar a ficar chateados com tanta festa..

    Abraço.

  • Carlos 13 / 09 / 2014 Reply

    A Altri só prova que, no médio/longo prazo, os fundamentais das companhias prevalecem sobre qualquer análise técnica, puramente especulativa. Com maior ou menor volatilidade na bolsa é uma empresa sólida, com dividendos certinhos e bem posicionada no mercado. Para quem não ligar ao carrossel dos mercados é uma boa empresa para investir.

  • Anónimo 14 / 09 / 2014 Reply

    A verdade é uma se eu fosse um expert nisto,não andava aqui a basculhar.
    Mas diga-se a analise tecnica,não é um sinal de que a empresa vai fazer bem ou mal,atê porque a especulação nos mercados é cada vez maior,e o que mais ha é exemplos disso.Mas serve para aproveitar uns trades nos suportes e resistencias.
    Agora se formos a olhar a H&S,isso é ver fantasmas por todo o lado.
    Na verdade comprar na baixa e vender na alta e para isso é preciso que a empresa seja solida e um monte de coisas mais.Alem de muito dinheiro para poder esperar,mas como nos andamos por aqui,o dinheiro não deve ser muito para esperar 1 a 10 anos.

    Batistuta

  • Anónimo 14 / 09 / 2014 Reply

    Quando digo comprar na baixa,claro não digo propriamente advinhar fundos,mas procurar uma pequena subida consistente,ou então ter t…..s,para entrar num fundo com um stop e claro correr alguns riscos de ter de esperar os anos que for preciso.
    A PT por exemplo subiu alguma coisa, entretanto dei uma vista de olhos na PT e Oi no short interest do fim deste mês e bateu record,s alem de que aumentou em mais de 1.000% desde um ano a data.Agora isto valera de alguma coisa,sinceramente não faço a minima ideia.

    batistua

  • Anónimo 14 / 09 / 2014 Reply

    Outro exemplo alguem aqui se lembra de ouvir falar em falencias e target,s zero.Ora pois muito bem temos entre muitos 2 exemplos distintos.
    ALU e BES.
    Quando se fala em falencias o mais certo é a empresa se safar,mas como nós não estamos preparados psicologicamente para ingerir tal catastrofe logo é para esquecer,é mais ou menos como as faladas empresas que vão ser compradas por outros,é tudo especulação,ja vi montes dessas especulações e nenhuma que eu conheça se chegou a concretizar.Mas ja varios titulos que eu estava a seguir e sem que nada fizesse prever foram adquiridas e sobem 20 e 40 ou 100%

    Batistuta

Deixe uma resposta