Análise Semanal – Sonae SGPS

Tiago Esteves

A vencedora da sondagem semanal foi a Sonae SGPS, por uma esmagadora maioria. Estava à espera que isso acontecesse, já que geralmente são os títulos que estão a atravessar um momentum positivo que vencem a sondagem. Dou por terminada a votação algumas horas mais cedo do que seria previsto porque vou estar ausente durante o fim de semana.

Como disse acima, o momentum da Sonae é muito positivo. Rompeu em alta um triângulo horizontal ascendente com volumes crescentes. Geralmente, este triângulo associa-se a continuação de uma tendência de alta ou inversão de uma tendência de baixa. Dadas as evidências, não pude ficar indiferente e tive de entrar longo. Continuo pouco convencido quanto ao facto de termos já entrado em bull market no que diz respeito aos índices, mas alguns títulos individuais têm dado sinais tão fortes que seria um erro ignorá-los.

Parece-me difícil que a Sonae consiga ultrapassar aquela zona de resistência à primeira tentativa. O movimento já vai esticado, quase 50% de subidas sem correcções, o RSI está bastante sobrecomprado e os volumes começam a secar.
Se começarmos pelo RSI, não faz sentido sair do título por entrarmos numa zona de sobrecompra. Repare-se que em Maio do ano passado este indicador entrou em sobrevenda e, até ter saído desse estado 2 meses depois, as cotações ainda caíram 44%. Isso só nos prova que por mais que os indicadores sinalizem exaustão do movimento, este pode sempre continuar por mais algum tempo.
De qualquer forma, as correcções são salutares para a manutenção da tendência vigente. Se isto é verdade durante o bear market, é muito mais verdade durante um bull market (atenção, não estou a dizer que já nos encontramos em bull market, embora valha a pena reter a ideia).
Assim, eu ficaria muito mais descansado se tivéssemos em breve uma correcção. Se o movimento de subida mantiver esta amplitude, receio que não vá longe.

Para quem não teve oportunidade de entrar mais cedo, parece-me tardio que o faça neste ponto. Correr atrás da cotação pode ser doloroso, já para não falar da flexibilidade para compreender e aguentar uma correcção temporária, que é tanto mais baixa quanto mais alto for o preço de entrada.
Existem dois pontos-chave onde poderá ser feita uma reentrada, isto partindo do pressuposto que vai mesmo haver uma correcção. Um dos pontos é a linha de suporte traçada a vermelho. O outro, mais importante, é a linha ascendente que serviu de base ao triângulo. A ser testada com sucesso criaria uma nova LTa, esta sim com a amplitude certa para suportar um movimento mais duradouro. A LTa traçada a verde é demasiado inclinada e quebrará com bastante facilidade. Se não quebrar em breve, poderemos estar perante um movimento semelhante ao de Setembro de 2001 (Ver análise no gráfico semanal).
Até novas evidências, estou bastante positivo em alguns títulos individuais. Se esse sentimento será para manter ou não, não sei. Começo a colocar a possibilidade de se ter iniciado um mini-bull, mas mais que isso não me parece. Ainda há muito lixo debaixo do tapete que, mais cedo ou mais tarde, terá de aparecer…

Comment List

  • Bruno 10 / 04 / 2009 Reply

    Olá Tiago,

    Dizes que estás bastante positivo em alguns titulos individuais, não queres dizer quais?

    Só para vermos se estamos a deixar passar alguma oportunidade.

    Boa Pascoa.

  • Tiago Esteves 11 / 04 / 2009 Reply

    Olá Bruno. Claro que digo, até porque não é surpresa para quem acompanha o blog:)

    Entre outros, temos a Galp, EDPR, BPI (aqui moderadamente), AUY, RIO, etc.

    Oportunidades não têm faltado, é uma questão de as aproveitar e de ir observando se a próxima correcção não elimina os pressupostos que levaram à entrada.

    Abraço

  • RG 12 / 04 / 2009 Reply

    Olá Tiago,
    Primeiro boa Pascoa para ti e para os teus.
    Segundo para dizer que espero que continues em força com o teu blogue, pois penso que tanto eu como muitos outros leitores te devemos bastante em termos de aprendizagem sobre os mercados.
    Por ultimo para te colocar um comentario sobre as acções que referes: concordo com todas menos com a EDPR, que por acaso ate estou dentro (comprei junto ao suporte) mas com vontade de saltar fora, pois acho que já devia ter dado sinal de vida…
    Nota final: sei que acompanhas o borjainvest, já reparaste que o César tem dado praticamente só tiros certeiros!? Estou tentado em abrir uma carteira de cópia…:-)
    Abraço,
    Rui

  • Bruno 12 / 04 / 2009 Reply

    Obrigado Tiago.

    Eu sigo o teu blog com muita atenção, esta semana é que foi uma votação, parece que toda gente quer a sonae.

    Tiago agora fiquei com uma duvida, já entraste no BPI? Na ultima análise ao bpi tu falaste nos 1,80.

    Vamos continuar a desfrutar deste ressalto.

  • Tiago Esteves 13 / 04 / 2009 Reply

    Olá Rui,
    Obrigado pelos votos, uma boa pascoa para ti e para a tua família também.
    Em relação à EDPR, um período de lateralização é salutar. Enquanto não quebrar o suporte, não há motivos para alarmismo. Eu não entrei porque não me parece ainda ter força suficiente para quebrar a zona de resistência, mas se entraste deves ter tido um motivo válido.
    É importante passar para o papel (nem que seja papel virtual:D) os motivos que nos levam a realizar um negócio por isso mesmo, porque mais tarde em caso de dúvida pode sempre ser revisto. E se os pressupostos se mantiverem, não deve ser a opinião de outros a fazer-nos alterar o negócio. É importante termos uma personalidade de negociação forte, que não se deixa alterar por notícias ou opiniões contrárias.

    Abraço

  • Anónimo 13 / 04 / 2009 Reply

    relembro ao sr. Rui que o site que citou (borjainvest) não tem dado só tiros certeiros: ele proprio assumiu o erro em relação ao Bes…

  • Tiago Esteves 13 / 04 / 2009 Reply

    Olá Bruno,
    É verdade, as próprias sondagens são um indicador de sentimento. Geralmente as pessoas votam nos títulos em que estão investidos. Quando já toda a gente comprou, pode estar na altura de aparecer uma correcção. Embora a sondagem não seja abrangente o suficiente para ter rigor estatístico, a vitória foi mesmo esmagadora. Isso pode ser um sinal de exaustão de movimento:)

    Em relação ao BPI, não entrei. Mas se cheguei a ter dúvidas que aquela quebra da LTd havia sido um falso break, este período de lateralização dissipou-as. E o BPI parece-me estar a formar o melhor fundo para um bear market desta natureza – um round bottom (não acredito muito no duplo fundo, mas…). Se assim for já atingimos mínimos e uma correcção pode ser uma boa oportunidade de entrada.

    Abraço

Deixe uma resposta