Análise Semanal – BPI

Tiago Esteves

O BPI foi o vencedor da semana, com uma curta vantagem sobre a Portucel. Por ser a terceira vez que a Portucel perde por apenas um voto, excepcionalmente será também analisada nos próximos dias.
As novidades são poucas, por estes lados. Actualmente é um dos títulos mais cinzentos da nossa praça, não mostra quaisquer sinais de inversão e nem sequer tem aproveitado para ressaltar juntamente com as outras neste rally que atravessamos (convicção pessoal já justificada dezenas de vezes).
Isso é um sinal de falta de força e desânimo sobre o título. Se não sobe quando muitos acreditam ter acabado este bear market, sobe quando? Vai com perdas de cerca de 80% desde o início do bear market, e nada nos indica que fiquemos por aqui.
Tecnicamente, tem uma característica que eu valorizo bastante. Tem uma sólida LTd que vem construindo desde o início das quedas, respeitando-a religiosamente. Sempre que há uma aproximação, reage imediatamente com quedas. E o que tem isso de interessante? Basicamente, será fácil e rápido de identificar os primeiros sinais de reversão! Quando ela for violada, podemos ter à vista o ponto de entrada longa.
De qualquer forma, neste momento é ainda precoce falar em recuperação. Está a negociar perto dos mínimos e sem um fundo à vista. Neste momento está a cerca de 20% de distância da LTd referenciada e acredito que mais cedo ou mais tarde se aproxime dela com um ressalto.
De qualquer forma, nunca é de mais reforçar a ideia: Entradas longas nos ressaltos são absolutamente proibidas, nem que ela suba esses 20% de uma só vez!
Pessoalmente, eu entraria longo nela se essa LTd fosse quebrada com consistência e validade. Mas não me parecem existir de momento quaisquer condições para tal acontecer, por isso aguardemos pacientemente. Ainda há muito de crise pela frente, muitas más notícias para serem reveladas e muitos perma-bulls para ficarem pelo caminho…

Deixe uma resposta