Ano novo, regresso às análises – DAX em dificuldades

Tiago Esteves
Antes de mais, não poderia deixar de expressar a todos um bom ano 2016. Que seja um ano de bons negócios e sem reestruturações bancárias… A primeira análise do ano irá tocar ao DAX, por ser o índice que poderá guiar o comportamento dos restantes em termos Europeus. E, digo-o desde já, tenho alguns receios relativamente ao comportamento dos índices no ano que agora entra. O ano de 2015, sobretudo na segunda metade, foi especialmente duro para os mercados accionistas Europeus. A correcção que rondou os 25% levantou dúvidas quanto à salubridade do movimento ascendente, mas o rally de Dezembro assente num padrão de inversão voltou a trazer esperanças. A verdade é que o rally de Dezembro parece ter chegado ao fim após novo H&S top, que está agora em fase de reteste. E a extensão deste reteste poderá indiciar o quão deveremos ficar preocupados com um cenário mais negativista. Se a ultrapassagem dos 10890 pontos traria algum alívio ao curto prazo, diz-me a experiência que quando temos um padrão top isso acaba por se reflectir na cotação. E, a confiar num eventual movimento descendente, seria absolutamente fundamental que a zona dos 10133 pontos não quebrasse em baixa. Acredito intensamente que o compromisso deste suporte (que corresponde também a um higher-low) será sinónimo de novos mínimos e de continuação do ciclo descendente de médio/longo prazo que na minha opinião já se iniciou em Abril do ano passado.

No gráfico horário, alguma indecisão. Após a activação de um H&S Bottom em meados de Dezembro, a cotação iniciou uma recuperação de curto prazo e encontra-se agora a braços com uma zona de resistência. A ultrapassagem da primeira fase desta zona pode ser um bom indicativo, mas não é suficiente. Seria, para já, importante que esta quebrasse em alta e a tendência ascendente de curto prazo fosse mantida. Caso esta zona de resistência prevaleça inquebrada, a forma como se der a aproximação à zona inferior do range poderá ditar o futuro de médio prazo do índice.

Lista de Comentários

  • Coimbra 04 / 01 / 2016 Reply

    Outra vez uma excelente análise!!

    De momento, Nasdaq e SP 500 encostados ao suporte no gráfico diário, sendo que o Nasdaq está a divergir com o estocástico no gráfico diário (mínimo anterior quebrado nopreço, estocástico ainda bem acima)… Inversão de curto prazo para breve?

  • Jose Graca 05 / 01 / 2016 Reply

    Bom ano Tiago!

  • Tiago Esteves
    Tiago Esteves 06 / 01 / 2016 Reply

    Obrigado, Coimbra! Há algum tempo que não olho para os índices Americanos, também ando desconfiado deles. Vou ver se lhes faço um update em breve.

    Muito obrigado e igualmente, José!

    Um abraço!

Deixe uma resposta