Assembleia-geral da TAP aprova contas de 2017

Agência Lusa

Agência Lusa

, Notícias

A assembleia-geral da TAP SGPS aprovou hoje as contas de 2017, ano que terminou com um resultado líquido de 21,2 milhões de euros.

Fonte oficial da transportadora aérea disse à agência Lusa que a assembleia-geral anual teve uma participação superior a 95% do capital social da TAP SGPS.

Na reunião “foram aprovados os pontos usuais da assembleia-geral anual, designadamente o relatório de gestão e as contas, em base consolidada e individual, referentes ao exercício que terminou em 31 de dezembro de 2017”, disse a mesma fonte.

Todas as deliberações foram aprovadas, assegurou ainda a mesma fonte.

A TAP SGPS finalizou 2017 com um resultado líquido positivo de 21,2 milhões de euros, montante que representa uma melhoria de 49 milhões de euros face ao prejuízo de 27,7 milhões registados em 2016.

O consórcio Atlantic Gateway, de Humberto Pedrosa e David Neeleman, detém 45% do Grupo TAP (TAP SGPS), o Estado através da Parpública 50% e os restantes 5% estão nas mãos dos trabalhadores.

RRA // MSF

Lusa/Fim

Deixe uma resposta