Atividade económica do Brasil recua 0,99% no segundo trimestre do ano

Agência Lusa

Agência Lusa

, Notícias

A atividade económica do Brasil, medida pelo indicador IBC-Br, recuou 0,99% no segundo trimestre do ano, em comparação com o primeiro trimestre, devido ao impacto da greve dos camionistas, em maio, informou hoje o Banco Central do país.

A greve gerou uma crise de abastecimento no país e paralisou parte da indústria e dos serviços.

Em junho, o IBC-Br cresceu 3,29% na comparação com maio.

Na comparação de junho com o mesmo mês do ano passado, o crescimento foi de 1,82%.

O IBC-Br é um indicador mensal divulgado pelo Banco Central brasileiro para acompanhar o desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) do país.

O índice incorpora informações sobre a atividade económica da indústria, comércio, serviços e agropecuária, além do volume de impostos.

Os dados finais sobre o PIB do Brasil no segundo trimestre do ano serão divulgado no dia 31 de agosto pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

CYR // ROc

Lusa/Fim

Deixe uma resposta