Banco Montepio colocou 500 ME em obrigações hipotecárias com taxa de juro de 0,125%,

Agência Lusa

O Banco Montepio colocou hoje 500 milhões de euros em obrigações hipotecárias com maturidade a cinco anos, a uma taxa de juro de 0,125%, tendo a procura excedido em mais de seis vezes a oferta, foi anunciado.

No comunicado sobre os resultados desta emissão, enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Caixa Económica Montepio Geral (CEMG) adianta que as obrigações foram colocadas a uma taxa de juro fixa anual de 0,125% e um preço de emissão de 99,586%.

“A Caixa Económica Montepio Geral, caixa económica bancária, S.A. (Banco Montepio) informa que colocou no mercado uma emissão de obrigações hipotecárias no montante de €500M (quinhentos milhões de euros), com um prazo de 5 anos, uma taxa de juro fixa anual de 0,125% e um preço de emissão de 99,568%, traduzindo um spread de 40 pontos base sobre a taxa mid-swap a 5 anos”, refere o comunicado.

No comunicado à impresa, o banco realça que “a taxa de juro agora obtida é inferior à da anterior emissão, realizada em 2017, em que a taxa foi de 0,875%.

Assinalando o “sucesso da operação”, refletido na procura que superou em seis vezes a oferta, o Montepio sublinha que este “resultou do interesse da comunidade de investidores por esta classe de ativos (as denominadas Obrigações Hipotecárias, reguladas pelo Decreto-Lei n.º52/2006) e pelo risco de crédito do emitente”.

Determinante para o resultado obtido, acrescenta ainda o comunicado enviado à CMVM, foi também a participação dos membros do sindicato de colocação da emissão, designadamente do Commerzbank AG, do Natixis S.A., do Natwest Markets e do UniCredit Bank AG.

Na terça-feira, fonte oficial do banco disse à Lusa que a CEMG pretendia realizar “em breve” uma emissão de 500 milhões de euros em obrigações hipotecárias com maturidade de cinco anos.

LT (PD) // JNM

Lusa/Fim

Deixe uma resposta