BCP – Actualização

Tiago Esteves
Apesar de ter publicado uma análise ao BCP há relativamente pouco tempo, as recentes novidades impõem uma actualização. Da última vez que olhei para este título, o suporte dos 10 cêntimos estava ainda íntegro. Esta semana o suporte quebrou-se de vez, levando as cotações a afundarem vertiginosamente. Olhando para as recentes notícias, e sem pretender eu fazer uma análise fundamental à situação, fala-se numa diluição BRUTAL, podendo o número de acções passar de 7 para algo próximo dos 19 mil milhões!

A contribuir para este factor estará, além da recapitalização estatal, um aumento de capital de 500 milhões de euros. Apesar de ainda não se conhecer o preço por nova acção a emitir, sabe-se já que o estado estará disposto a comprar as que restarem a um valor de 4 cêntimos por unidade. E isto diz muito. Diz algo como “salve-se quem puder”… Não sendo eu um especialista na área, nem nada que se pareça, só pela diluição e pela “rede de segurança” do estado não me admiraria de ver as cotações abaixo dos 5 cêntimos nos próximos meses. E, pior que isso, quanto mais nos aproximamos do zero mais se justifica um reverse stock split, que seria como gasolina neste incêndio…

Olhando para o gráfico, que ainda é o indicador mais rigoroso e fiável sobre o actual panorama, vemos o suporte quebrado com volume, suporte que se transformou agora numa forte resistência. Como tinha dito há uns dias, tentei uma entrada no suporte. Felizmente fui stopado em meados de Maio e estou novamente a assistir de fora, com uma perda irrelevante. E de fora me manterei, pelo menos até que a resistência seja quebrada em alta! Por vezes a melhor solução é mesmo admitir a derrota…

Deixe uma resposta