Bolsas Europeias negoceiam no vermelho à semelhança das praças asiáticas

Agência Lusa

Agência Lusa

, Notícias

As bolsas europeias estão hoje a negociar no vermelho, seguindo as congéneres asiáticas, sendo que estarão condicionadas pela incerteza política na Itália, pela situação em Hong Kong com a escalada dos protestos.

Pelas 08:15 de Lisboa, o índice STX Europ 600 perdia 0,31% para 370,41 pontos, com a praça financeira de Londres a perder 0,37%, Paris a recuar 0,26%, Frankfurt a descer 0,32%, Madrid a cair 0,56%, Milão a perder 0,62%, Atenas a quebrar 0,67%.

Os analistas referiram que a incerteza política em Itália, bem como em Hong Kong, mercado que liderou hoje as perdas das bolsas asiáticas, conjuntamente com Tóquio, e onde se tem assistido a uma escalada dos protestos, além da situação política na Argentina, deverão prender a atenção dos investidores na sessão de hoje.

Num dia em que há poucos indicadores macroeconómicos a publicar, as inquietações dos investidores com o abrandamento da economia mundial e o conflito comercial entre os Estados Unidos e a China estarão, por outro lado, na mente dos investidores, salientaram os analistas.

Na segunda-feira, Wall Street encerrou com o índice Dow Jones Industrial a perder 1,49%, para 25.896,44 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq recuou 1,20%, para as 7.863,41 pontos e o Standard & Poor’s caiu 1,23%, para 2.882,69 pontos.

JS // SB

Lusa/Fim

Deixe uma resposta