CHKP – Check Point Software

Tiago Esteves
Esta empresa, que como o próprio nome indica pertence à área do software, anda a pedir um short.
Há algum tempo que a ando a seguir e há 2 meses atrás tinha esboçado no gráfico o que poderia vir a ser um H&S. Acabou por contrariar-me ligeiramente, fazendo um segundo ombro muito mais curto e pouco simétrico com o anterior. Deixei o desenho original por um motivo simples: para dar um ponto de comparação ao que deveria/poderia ter sido o último fôlego deste título. Em vez de apresentar uma reacção de 21% esboçou um pálido suspiro de 7%. Torna isso o H&S menos válido? Não, pelo contrário! Quanto menor for a reacção no segundo ombro, menor é a correspondente força ascendente. E falta de força ascendente é algo que nós definitivamente queremos ouvir quando se fala em shortar.

A quebra da neckline correu conforme planeado, ou seja, com volume. Volume que duplicou em relação ao que vinha a ser normal. Para completar este H&S que é quase de livro só falta falar sobre o pullback, que também optou por não surpreender e correspondeu aos tradicionais 5%. Toque na linha, reacção e queda…
E assim se espera que continue. Para quem tem posições longas nos States, pode ser um bom hedge…

Deixe uma resposta