CTT serão vendidos em Bolsa!

Tiago Esteves
Surgem notícias que apontam a venda dos CTT através de uma colocação em bolsa! A confirmar-se esta notícia seria uma excelente e inesperada iniciativa. Não só teríamos a possibilidade de vender, enquanto contribuíntes, a preços provavelmente superiores aos que resultariam de uma venda privada, como a entrada de uma empresa totalmente distinta das actuais no PSI-20 seria óptima para a diversificação empresarial. Apesar de terem um passivo considerável, os CTT são actualmente lucrativos! Os ganhos líquidos andarão à volta dos 120 milhões por ano, mais coisa menos coisa, valor que será certamente potenciável.

Estaremos perante uma grande oportunidade? Não sabemos ainda, faltam clarificar os termos da eventual OPV. A confirmar-se a obrigatoriedade de manter os títulos adquiridos durante um período mínimo de 5 anos, como hoje se falava, isso afastaria certamente muitos investidores. Falta também conhecer os preços da colocação em bolsa, factor decisivo para estimarmos a potencial rentabilidade e o rácio de profitabilidade. O timing será também decisivo, pois seria fundamental aproveitar ao máximo a privatização dos correios Britânicos. Caso o processo avance vagarosamente corremos o risco de entrarmos em Bear Market, afastando-se assim muito do potencial capital.
Da mesma forma, a conseguir-se a tão falada licença bancária estaríamos perante mais uma oportunidade. Não de transformar os CTT em mais um banco mas de aproveitar os milhares de balcões e rentabilizá-los. Para já não há muito de concreto, apenas algumas possibilidades que têm tanto de potenciais como de hipotéticas…

Deixe uma resposta