Energia – Edp Renováveis a quebrar consolidação

Tiago Esteves
Depois do episódio de ontem na EDP, hoje é a vez da EDPR testar a sua resistência enquanto activa uma consolidação. Uma vez mais, não acredito que a resistência vá impedir a continuação do movimento ascendente. Acredito, sim, que teremos um pullback depois da quebra em alta que se antecipa para as próximas sessões.

O gráfico horário parece suportar essa teoria, já que se verifica actualmente a quebra em alta de um fundo arredondado bastante sólido. A zona a vigiar, no curto prazo, é o higher-low nos 6,59€. Em termos de objectivos, prefiro não me basear na projecção da consolidação no gráfico diário porque a EDPR tem vindo a falhar repetidamente este tipo de projecções. Podemos, contudo, olhar para o fundo no gráfico horário e respectiva projecção. Tendo esta como base, ficam então definidos os 7,21€ como o objectivo deste movimento. É, contudo, importante salientar que um movimento deste género deverá demorar um período equivalente a atingir a projecção àquele que demorou a formar o padrão. Mês e meio, portanto, neste caso específico. Antes de tal ocorrer, ainda devemos assistir a novo movimento de aproximação à zona que agora é de suporte. Vamos acompanhando.

Deixe uma resposta