GALP tem vindo a oferecer oportunidades de entrada

Tiago Esteves
Como tive por diversas vezes oportunidade de salientar durante o início de 2016, o Petróleo era uma das commodities mais promissoras em termos de potencial ascendente de médio prazo. Essa visão em pouco se alterou, apesar da subida de 50% desde mínimos, e o potencial de crescimento continua lá. A GALP tem, em parte, vindo à boleia desse sustentado sucesso. Aqui, contudo, o factor de multiplicação tem sido superior, visto que a subida no título ronda já os 80% desde mínimos. Importa então analisar onde se poderá deter este movimento. Ou, numa perspectiva mais optimista, onde se poderia entrar neste movimento de forma a acompanhá-lo.Os últimos meses do título têm sido marcados por uma sustentada evolução por patamares. Os 12,87€ foram o mais recente ponto óptimo de entrada. Tínhamos uma saída relativamente próxima, e a quebra desse ponto representaria a continuidade do movimento ascendente.

A próxima oportunidade pode já estar em marcha no gráfico horário, tendo surgido da quebra em alta dos 13,796. A activação do padrão de inversão aponta para um potencial de subida até aos 14,16€, e o mais provável será que o momentum se espalhe ao gráfico diário e leve à extensão até máximos. Temos aqui uma vantagem para uma entrada de curto prazo, com o ponto de stop muito próximo (na zona dos 13,66€). Já no timeframe diário, as coisas complicam-se se os 13,40€ quebrarem em baixa. Para já, contudo, diria que os sinais de força parecem sobrepor-se aos sinais de fraqueza.

Deixe uma resposta