Inapa, velha paixão

Tiago Esteves

Estava a fazer um screener às acções portuguesas quando reparei em mais um sinal de preocupação dado pela Inapa. O pico de volume com que hoje quebrou o suporte é realmente significativo e não pode ser ignorado. Estamos em mínimos e não há o mínimo sinal de alteração da tendência vigente, pelo contrário. Quanto mais cai, mais depressa se afunda.
Continuo a dar-lhe um olho esporadicamente por ter sido a causadora de uma das minhas perdas mais significativas, tanto física como psicologicamente.

Vendi a 0,80 cêntimos e julguei ter feito um péssimo negócio. Jurei-lhe vingança… Um dia havia de voltar e recuperar cada cêntimo que ela me tirou, pensava eu na altura.
Hoje em dia olho para ela com nostalgia. Pelos vistos, quando vendi fiz o melhor negócio da minha vida.
Para os que estão dentro, eu sei que é complicado vê-la descer dia após dia e largar agora que está quase a bater no fundo. Mas, quando será que chega esse fundo? Pode ser amanhã, mas pode ser apenas daqui a alguns meses… Pode ser mesmo “uma pedra atirada ao charco”!

Não quero influenciar ninguém, muito menos confundir.
Mas sempre que ela quebra um suporte afunda mais, há anos que não consegue recuperar um suporte perdido. Porque haveria de ser diferente desta vez? Quais são as evidências que nos levam a pensar nisso? Evidências físicas, reais. A esperança e o desejo não contam!
Espero que um dia volte a subir, bata todos os máximos e nos permita a todos ganhar rios de dinheiro às suas custas. Mas para já, não há um único sinal de que isso possa estar para acontecer. Quer queiramos, quer não…

Comment List

  • rg7803 31 / 01 / 2009 Reply

    olá tiago, vou colocar-te a mesma questão que coloquei ao artista: porque traças as linhas de suporte e resistencia e as linhas de tendencia pelos fechos e não pelos minimos e maximos? eu costumo faze-lo pelos minimos e maximos, uma vez que os minimos e maximos fazem parte do registo de actividade do dia a dia de uma dada acção; se calhar o argumento não é muito lógico, mas é assim que vejo os mercados ! de qq forma gostava de ouvir a tua opinião; abraço
    rui

  • Tiago Esteves 31 / 01 / 2009 Reply

    Olá Rui,
    Essa questão é muito importante e pertinente. Há opiniões para todos os gostos, embora a maior parte dos autores defenda que deve ser utilizada a cotação de fecho, pela sua importância. Deixo-te um link no caldeirão onde o Elias ainda esta semana abordou essa questão de forma muito simples
    http://caldeiraodebolsa.jornaldenegocios.pt/viewtopic.php?t=66787&postdays=0&postorder=asc&start=150

    Eu partilho da mesma opinião que ele, embora nem sempre trace os suportes/resistências/LT's pelos valores de fecho.
    É também uma questão de sensibilidade. Se vês que no intraday as cotações "esbarram" sempre no mesmo valor e o preço de fecho é mais disperso, é sensato traçares o suporte/resistência por esse valor obtido no intraday.
    Espero ter ajudado a esclarecer.
    Abraço

Deixe uma resposta