Lucros da Vista Alegre mais do que triplicam para 1,9 ME até setembro

Agência Lusa

Agência Lusa

, Notícias

O resultado líquido do grupo Vista Alegre subiu 227% para 1,9 milhões de euros de janeiro a setembro deste ano, face a igual período do ano anterior, foi hoje anunciado.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o grupo adianta que, no período de referência, as vendas atingiram 60,9 milhões de euros, o que equivale a uma subida de 14%, em comparação com o exercício homólogo.

O mercado externo representa 68% do volume de negócios da Vista Alegre, atingindo 41,5 milhões de euros, o equivalente a um incremento de um ponto percentual face a 2016.

Este aumento deve-se ao crescimento do negócio em novos mercados, nomeadamente na Europa e na Ásia.

Já no mercado interno, o valor das vendas fixou-se em 19,5 milhões de euros, mais 11% do que em igual período do ano anterior.

Nos primeiros nove meses deste ano, o resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações (EBITDA) subiu 99% para 9,3 milhões de euros, tendo a sua margem atingindo os 15,3%, contra 8,8% em igual período de 2016.

De acordo com o documento, o grupo registou 4,5 milhões de euros de resultado operacional, o que representa uma subida de 366%, em comparação com o período homólogo.

No terceiro trimestre foram realizados investimentos no valor de 3,6 milhões de euros, destinados, essencialmente, ao segmento grés forno e cristal.

Estão ainda em curso dois projetos (CerexCor e CristalLux), cujo objetivo é o desenvolvimento de processos que permitam alargar a oferta de produtos da Vista Alegre.

No futuro, o grupo diz que prevê incrementar o volume de negócios internacional, melhorar a produtividade e eficiência operacional e reforçar a presença da marca no mundo, através da implementação de projetos de inovação produtiva que fomentem a competitividade.

PE // CSJ

Lusa/fim

Deixe uma resposta