Manuel Champalimaud reforçou posição nos CTT para 12,44%

Agência Lusa

Agência Lusa

, Notícias

A Manuel Champalimaud passou a deter, diretamente, 18.657.915 ações dos CTT, representativas de 12,44% do capital social e dos direitos de voto da empresa, anunciaram hoje os Correios de Portugal.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), os CTT adiantam que receberam em 17 de maio de Manuel Champalimaud SGPS, entidade estreitamente relacionada com João Afonso Ramalho Sopas Pereira Bento, o novo presidente executivo dos CTT, uma transação efetuada nessa data.

Ou seja, que a Manuel Champalimaud (anteriormente Gestmin) adquiriu em 17 de maio último 86.700 ações ordinárias dos Correios, ao preço médio de 2,1850 euros por título.

“Após a realização das referidas transações, a Manuel Champalimaud passou a deter, diretamente, 18.657.915 ações representativas de 12,44% do capital social e dos direitos de voto dos CTT”, referem.

Segundo o comunicado, João Bento, que era até agora vice-presidente do Conselho de Administração da Manuel Champalimaud, cargo que vai deixar para assumir a liderança executiva dos CTT em 22 de maio, detém 13.550 ações da empresa, representativa de 0,009% dos direitos de voto.

ALU // JNM

Lusa/Fim

Deixe uma resposta