NOS a encostar à zona de suporte

Tiago Esteves
Tal como acontece com um número importante de títulos do PSI, a NOS também gerou um padrão de inversão no gráfico diário. Neste caso, contudo, já foi atingida a projecção e já se deu a reacção descendente após contacto com o mesmo. Resta-nos esperar que este primeiro padrão seja apenas um primeiro passo para uma inversão da tendência de longo prazo. Esperanças à parte, acredito que estejamos próximos de descortinar o que vai acontecer. A cotação tocou hoje no início da zona de suporte que separa o título da glória ou do abismo, e cabe agora aos compradores demonstrarem o nível da sua força. Caso se confirme a pressão compradora, teremos muito rapidamente uma continuação do movimento ascendente. Caso, pelo contrário, observemos a um aumento da pressão vendedora, este suporte não deverá resistir e regressaremos às quedas.

No gráfico de 1 hora este cenário pode ser visto com um rigor superior. Depois de ter sido atingida a projecção da consolidação identificada no webinário da semana passada, o título retraiu imediatamente e regressou às sua correcção. Falta saber o que vai acontecer junto ao suporte. Dada a sua força, estou crente que possamos assistir a um movimento ascendente. Contudo, é fundamental que se vigie a quebra do suporte. Se tal cenário se colocar, teremos caminho aberto para novos mínimos.

Deixe uma resposta