Pharol comprou 175 mil ações próprias e reforçou para 3,46% do seu capital

Agência Lusa

Agência Lusa

, Notícias

A Pharol adquiriu um total de 175 mil ações próprias hoje, segundo um comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), passando a deter 3,46% do seu capital.

A empresa levou a cabo uma série de operações durante esta tarde, tendo comprado títulos por um valor entre os 0,1054 euros e 0,1062 euros, segundo a mesma nota.

A Pharol, antiga Portugal Telecom, passa assim a deter “31.040.000 ações próprias, correspondentes a 3,4623% do seu capital social”, lê-se no comunicado.

Estas operações fazem parte das medidas aprovadas “na assembleia-geral de acionistas realizada em 29 de março de 2019”, recordou o grupo.

Nessa reunião, os acionistas votaram favoravelmente “a aquisição e a alienação de ações próprias”, que serão sujeitas a decisão do Conselho de Administração tendo em conta a situação do mercado “pelo período de dezoito meses contados da deliberação”.

A contrapartida por estas ações deverá situar-se num intervalo de 25% “para menos e para mais relativamente à cotação mais baixa e média, respetivamente, das ações a adquirir no Euronext Lisbon, durante as três sessões de mercado regulamentado imediatamente anteriores à data de aquisição ou à constituição do direito de aquisição ou atribuição de ações, ou corresponder ao preço de aquisição resultante de instrumentos financeiros contratados e, nas alienações, não inferior em mais de 25% à cotação média no Euronext Lisbon das ações a alienar durante as três sessões de mercado regulamentado imediatamente anteriores à alienação”, segundo a mesma nota.

As ações da Pharol caíram hoje na bolsa de Lisboa 4,68% para 0,106 euros.

ALYN // CSJ

Lusa/Fim

Deixe uma resposta