REN vai propor que dividendo se mantenha em 17,1 cêntimos

Agência Lusa

Agência Lusa

, Notícias

O Conselho de Administração da REN vai propor o pagamento de um dividendo de 17,1 cêntimos por ação à assembleia-geral de acionistas, anunciou hoje a empresa liderada por Rodrigo Costa.

Para a REN, este valor, que se mantém desde 2013, está em linha com a “política de dividendos anunciada no último Capital Markets Day”.

Em maio de 2018, durante a apresentação do plano de investimentos até 2021, a empresa já tinha anunciado a intenção de manter o dividendo.

O administrador financeiro da REN, Gonçalo Morais Soares, disse, na altura, que a remuneração acionista, “um dos mais elevados ‘dividend yields’ do setor”, vai manter-se nos próximos quatro anos, referindo que este valor permite gerar ‘cash flow’ (fluxo de caixa).

No mesmo mês, os acionistas da REN aprovaram, em assembleia-geral, um dividendo de 17,1 cêntimos por ação relativos ao exercício de 2017.

A REN – Redes Energéticas Nacionais registou 115,7 milhões de euros de lucro em 2018, menos 8,1% do que no ano anterior, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a empresa liderada por Rodrigo Costa indicou que o EBITDA (lucros antes de impostos, juros, amortizações e depreciações) totalizou 492,3 milhões de euros, mais 1% do que no período homólogo.

PE (JNM) // CSJ

Lusa/Fim

Deixe uma resposta