Sector Energético – Light Crude

Tiago Esteves
Dada a delicada situação das matérias primas, especialmente reflectida no movimento do preço do crude, impõe-se introduzir-lhe uma análise no contexto do sector energético. Apesar de a abordagem fundamental ser particularmente importante neste caso, nomeadamente em termos de macroeconomia, para sermos simples e sintéticos vamos focar-nos na frieza do movimento de preço. E esse parece tardar em apresentar sinais de recuperação. Estamos em mínimos, muito em mínimos, e quando assim é não se torna fácil fazer antevisões. Uma boa notícia poderá ser o forte volume que se tem feito notar neste período de quedas, que poderá representar exaustão de movimento.

Já o gráfico horário, pelo contrário, demonstra sinais de uma possível reversão de curto prazo. Aproveitando a forte sobrevenda no diário, activou-se um padrão de inversão no horário que poderá levar a uma subida até aos 38,6 dólares. Para já, em termos de negociação de curto prazo, tudo decorre com tranquilidade. Contudo, é importante manter bem claro que o risco de negociar um título em total counter-trend tem enormes perigosidades, exigindo uma enorme atenção. No que diz respeito ao médio prazo, não é para já expectável uma inversão radical de tendência.

Deixe uma resposta