Sector Energético – RWE

Tiago Esteves
A RWE tem vindo a desiludir, depois de ter prometido uma inversão na sua tendência de médio prazo. O fundo em V que tinha sido activado no mês de Outubro foi inviabilizado com a vela negra do dia 12 de Novembro, que quebrou a zona técnica de suporte do título. A reacção de 30 de Novembro acaba por colocar o título em perspectiva, e abrir possibilidade para uma eventual re-reacção ascendente. No entanto, os 13,62 continuam a ser uma forte resistência que poderá dar trabalho a ser ultrapassada.

Esta segunda fase de reacção acabou por ser antecipada pelo gráfico horário, através de um padrão de inversão que atingiu com forte volume e de forma rápida e milimétrica a sua projecção.  A verdade é que não seria expectável que acontecesse uma retracção de 50% após tal pendor ascendente, mas não é menos verdade que ainda estamos acima da zona de suporte. Caso este suporte ceda, é provável que o mínimo relativo de médio prazo não tenha também condições para resistir.

Deixe uma resposta