Sentimento de Mercado – Turquia volta a condicionar sentimento

Marco Silva

Marco Silva

, Actualidade
Sem notícias positivas sobre a instabilidade económica na Turquia os principais mercados estiveram ontem sob controlo dos Bears, da Asia onde o Nikkei cedeu cerca de -2%, passando pela Europa, onde o Stoxx 600 recuou -0.3%, até aos EUA onde todos os principais índices encerraram no vermelho, o sentimento primário foi o de procura por activos refúgio em conjunto com uma redução do risco em alguns sectores, principalmente nas financeiras, que ontem foram de novos dos grupos que mais perdeu valor no S&P500, apenas ultrapassado pelas energéticas, devido à queda do preço do crude em -0.4% para os $67.34 por barril no WTI, e pelos materiais, ainda a sofrer dos receios de um agravar da guerra comercial a nível global, tal como aconteceu com o sector industrial.
Na realidade o dia foi bastante parecido com a sessão de sexta-feira, com excepção de que ontem Wall Street até abriu em alta, mas o receio de um agravar quase certo da situação na Turquia foi demasiado forte para os Bulls, num dia em que a Apple e Amazon atingiram novos máximos históricos, facto que ajudou o Nasdaq a registar a menor queda do dia. A procura por segurança foi transversal, nas acções as utilities lideraram nos ganhos, enquanto que no Forex o U.S dólar e o Yen repetiram o comportamento do dia de trading anterior, desta vez com ganhos de 0,2% para ambas as moedas. Um destaque muito interessante para o facto da moeda norte-americana estar nos últimos tempos, em conjunto com a dívida soberana dos EUA, a roubar o lugar do ouro na secção de activos refúgio, o que empurrou o metal precioso para uma forte queda de -1.4%, terminando nos $1,193 por onça.
Do lado inverso a redução de risco nos portefólios levou a uma venda de activos de mercados emergentes com os índices MSCI Emerging Markets relativos ao mercado accionista e ao Forex, a registar perdas de -2% e -1%, para mínimos de mais de um ano. Destaque para a Lira turca que ontem afundou mais -7.8%, averbando um total de -40% só este ano contra o U.S dólar, apesar de ontem o Banco Central turco ter prometido estabilizar a moeda, intenção que falhou em toda a linha, criando ainda mais receio de que a situação só será resolvida com auxílio externo.

A análise ao sentimento de mercado é patrocinada por Activtrades

Deixe uma resposta