Sentimento de Mercado – FED condiciona Wall Street

Marco Silva

Marco Silva

, Actualidade
Como referi em análises anteriores esta semana era importante e potencialmente geradora de uma surpresa em ambas as reuniões dos bancos centrais FED e BCE. Ontem o FED fez isso mesmo ao revelar a esperada subida dos juros para o intervalo de 1,75%-2% e a inesperada nova subida para além das três que estavam programadas para este ano. A mudança de planos veio com uma mudança de texto, nomeadamente o banco central norte-americano passou de uma referência a crescimento moderado para um crescimento a um ritmo sólido, referindo igualmente uma expectativa de inflação mais elevada, uma queda no desemprego em contraponto com “emprego manteve-se baixo” da reunião anterior e referiu também que os gastos das famílias aumentaram, mais optimista que os “gastos moderados” do texto anterior. Em suma, o FED pintou um cenário de maior crescimento económico, mais optimista, mas também com maiores risco de inflação elevada, o que deu confiança aos membros do board para uma política monetária mais hawkish.
Já os investidores não demonstraram a mesma confiança, mas antes cautela, o que levou a uma pressão vendedora no final da sessão que empurrou os indices de Wall Street para quedas, embora que ligeiras. Cautela essa que é perfeitamente normal quando os juros aumentam mais rápido que o previsto, visto que fica sempre a incógnita sobre a capacidade da economia suster esses custos financeiros acrescidos e continuar a crescer a um ritmo saudável. Curiosamente nem o sector financeiro fugiu ao vermelho, proeza só atingida pelo sector dos retalhistas de produtos não essenciais, enquanto que as telecoms e o imobiliário sofreram fortes quedas. No Forex uma surpresa, apesar do outlook de juros mais altos o U.S dólar acabou por ceder terreno, veremos nos próximos dias se foi apenas um movimento técnico que evitou a subida da moeda norte-americana ou se o anúncio do FED já estava incorporado no preço. Para hoje destaque para o anúncio da reunião do BCE, onde os investidores vão estar atentos às declarações sobre o futuro do programa de estímulos, que se espera venha a terminar em breve.

A análise ao sentimento de mercado é patrocinada por Activtrades

Deixe uma resposta