Sentimento de Mercado – Mercado prepara-se para a earnings season

Marco Silva

Marco Silva

, Actualidade
Wall Street iniciou esta semana no mesmo tom com que terminou a anterior, isto porque apesar de algumas nuances, o Dow Jones conseguiu terminar positivo, o certo é que os grandes catalisadores dos movimentos se mantiveram. Os receios relativos à subida dos juros nos EUA e a reportagem da Bloomberg sobre o Big Hack da China a empresas norte-americanas, que poderá levar a um agravar do conflito comercial entre as duas principais economias do mundo, voltaram a levar os investidores a dar primazia aos activos refúgio, se bem que com alguns focos de interesse comprador como o imobiliário que liderou as subidas no S&P500, em boa parte devido a um rebound técnico. Mas de resto foi mais do mesmo, utilities e retalhistas de produtos essenciais, dois sectores primordiais de activos refúgio, estiveram no topo das subidas enquanto que o Yen adicionou 0,6% para os 113.10, numa sessão em que o U.S dólar valorizou 0.1% e o Euro recuou -0.3% para os $1.1493.
Em suma foi uma continuação do movimento das últimas duas sessões com a particularidade de ter características de washout, ou seja poderá ter ou estar a terminar, nos próximos dias teremos a confirmação, até porque com a earnings season à porta as movimentações dos investidores em preparação a este importante período serão em si um catalisador mais importante. Destaque para a queda de -3,7% do principal índice chinês após o banco central local ter reduzido o nível de reservas que os bancos têm de ter, o que permitirá liberar $175 biliões, pretendendo com isso estimular a economia em preparação para as consequências negativas da guerra comercial com os EUA. De realçar que esta semana haverão leilões de dívida soberana norte-americana que poderão atingir os $230 biliões, facto que poderá mexer com o mercado accionista caso ocorra uma variação excessiva da taxa de juro.

A análise ao sentimento de mercado é patrocinada por Activtrades

Deixe uma resposta