Sentimento de Mercado – Optimismo tímido em Wall Street

Marco Silva

Marco Silva

, Actualidade
Depois de uma sessão onde o vermelho dominou Wall Street esteve ontem sobre um clima de algum optimismo, com ganhos marginais, devido a sinais contraditórios sobre o futuro das tarifas alfandegárias que Trump tem vindo a implementar, isto porque depois de um tweet onde o secretário do tesouro norte-americano, Steven Mnuchin, referiu que as restrições no investimento estrangeiro em empresas com tecnologia importante, seriam para todos os países que tentam roubar tecnologia do país, foi a vez do conselheiro para o comércio de Trump, Peter Navarro, ter dito que não haviam planos para restringir investimento chinês ou de qualquer outro país. Mais dúbio ficou o tema após a secretária de imprensa da Casa Branca ter confirmado o que Mnuchin tinha referido no seu tweet, ou seja a acalmia de ontem poderá ser de curta-duração, até porque o anúncio das restrições é esperado até ao fim de semana.
As energéticas foram o grupo que mais subiu no S&P500 com um ganho de 1,4%, a beneficiar da ordem dada pelo departamento de Estado norte-americano para as empresas que importam crude do Irão reduzirem as ordens até zero nos próximos cinco meses, lançando igualmente um repto aos aliados dos EUA para deixarem de importar crude do Irão, facto que levou a uma valorização de 3,5% no WTI crude para os $70.48 por barril, enquanto que o Brent adicionou 2,3% para os $76.43 por barril. No Forex o U.S dólar teve o seu primeiro ganho dos últimos 5 dias a recuperar de mínimos de duas semanas, ficando para os próximos dias a confirmação de uma inversão de sentido ou se foi apenas uma correcção técnica. O Yen cedeu -0.3% com a menor procura por activos refúgio.

A análise ao sentimento de mercado é patrocinada por Activtrades

Deixe uma resposta