Uma breve análise ao SP500

Tiago Esteves
Numa altura em que tudo parece ir pelo bom caminho no PSI-20, importa fazer uma breve análise ao SP500. Não só por ser o índice de referência dos mercados americanos mas sobretudo porque acredito que será este índice a assinalar em primeiro lugar o próximo bear global. Aliás, como já defendi inúmeras vezes, é provável que o próximo bear market global tenha uma vez mais origem nos US.

Tinha manifestado há uns tempos a minha preocupação com o afunilamento das cotações, afunilamento que se tem vindo a exacerbar nos últimos tempos.

O padrão de correcções mantém-se com uma frequência bastante regular mas, tal como anteriormente notado, essas correcções são cada vez mais ligeiras. Este aligeirar das correcções geralmente acontece quando o mercado cresce já de forma muito “bolhosa”, sendo que ao primeiro sinal de alarme poderemos ter um sell-off. Para já, e sendo objectivos, esse sinal de alarme continua sem surgir no gráfico e por isso não há nada que nos deva levar a fechar posições. No entanto, uma correcção mais exacerbada será totalmente inevitável e ocorrerá mais cedo ou mais tarde. Defendo que quanto mais tempo durar esta linearidade ascendente mais provável será termos uma quebra brusca e forte quando a correcção se instalar. É por isso fundamental manter um olho bem aberto e deixar todas as posições salvaguardadas, nunca se sabe em que dia o mercado se vai fartar de continuar a viver à custa de políticas quantitativas.

Deixe uma resposta