Update à Portugal Telecom

Tiago Esteves
Dia de update à Portugal Telecom. À semelhança do que tem ocorrido com grande parte das cotadas no PSI20, também a PT tem vindo a corrigir desde finais de Janeiro. À semelhança do próprio índice, também esta correcção foi despoletada por um padrão de consolidação que quebrou em baixa e acabou por marcar uma inversão na tendência de curto prazo.

A cotação aproxima-se agora rapidamente de uma sólida zona de suporte, marco que foi responsável por uma reacção em alta de 17% em apenas uma semana. Por este motivo acredito que assistamos a, pelo menos, uma reacção em alta nesta zona. Se o mínimo nos 3,05 quebrar é possível que vejamos nas próximas semanas uma aproximação à anterior base de movimento. Para já, a tendência é de alta no médio prazo e esta aproximação ao suporte pode mesmo revelar-se como um interessante ponto de negociação.

Pessoalmente estou indeciso entre manter a neutralidade ou arriscar uma entrada com stop abaixo da zona de suporte. A neblina em torno do processo de aquisição continua a interferir com os sinais técnicos que saem do gráfico. Quando assim é, geralmente resguardo o capital.

Em suma: enquanto houver suporte válido não há muito a temer!

Comment List

  • Anónimo 04 / 02 / 2014 Reply

    Boas Tiago,

    Partilho desta tua indecisão que passo a citar "Pessoalmente estou indeciso entre manter a neutralidade ou arriscar uma entrada com stop abaixo da zona de suporte".

    Apesar de ter lido que em caso de dúvida não se deve entrar, vejo um enorme potencial na PT/OI.

    Aquelas notícia da TIM Brasil que levou ao disparo de 9%, não pode ser apenas especulação (apesar do volume não ter sido nada de "extraordinário").

    Como considero que apesar do risco vale a entrada, vou esperar para ver como reage à zona de stop.

    A quebra em baixa daquele padrão leva a cotação praticamente ao suporte não é? Pelo menos é isso que me parece a olho.

  • Tiago Esteves
    Tiago Esteves 05 / 02 / 2014 Reply

    Olá,
    O problema é mesmo esse, a possibilidade de o suporte quebrar em baixa. De facto, enquanto a zona de stop se mantiver inviolada tudo aponta para uma subida e é uma subida com uma relação risk/reward muito apetecível! Pelo menos 1:2, se considerarmos o vértice da consolidação como resistência…

Deixe uma resposta